LI, VI, OUVI, ESCREVI

ITALIANA VAI AO BRASIL EM BUSCA DELA MESMA

O trailer do filme “Un giorno devi andare”, lançado no começo deste ano, traz imagens brasileiras encantadoras. Uma mulher belíssima fala  do que fez de sua vida enquanto evolui a complexidade da história. A revista “La Civiltà Cattolica”, dos jesuítas italianos, traz um resumo do filme que já foi apresentado em festivais importantes de cinema e é o último trabalho do diretor Giorgio Diritti. Leia o resumo de Virgilio Fantuzzi, S.I e, em seguida, um rápido comentário de um blog italiano de espetáculos:

Filmado na Itália e no Brasil , o filme “Un giorno devi andare“(Um dia você tem que ir) de Giorgio Diritti conta a história de uma mulher que, depois de ter perdido um filho durante a gravidez, e sabendo que ela não poderia ter outros filhos, foi abandonada pelo marido e ficou à mercê de si mesma. Augusta – este é o nome da mulher – se mudou para o Brasil, onde passou um tempo na companhia de uma freira missionária, amiga de sua mãe, e encontra vários missionários. Estimulados pelo exemplo de Simone Weil, de que é leitora assídua, ela tenta ajudar uma comunidade abandonada a sair da pobreza através do trabalho. Mas seu plano falhou, ela se retira para uma ilha deserta, para meditar em silêncio e na solidão, sobre o sentido da vida.

 www.laciviltacattolica.it

O tema central do filme é uma viagem. Uma viagem longe de casa à procura de um estilo de vida diferente, de um mundo diferente. Esse mundo é mais lento, onde se pode ficar mais atentos às relações humanas, onde há menos ricos e, de certa forma, onde a vida é mais difícil. Ao mesmo tempo,  é uma viagem dentro de si mesmo olhando para as pequenas peças necessárias para reconstruir a uma vida abalada.

No elenco, além de Jasmine Trinca, a protagonista, também estão: Anne Alvaro, Pia Engleberth, Sonia Gessner, Almanda Fonseca e Paulo de Souza. O filme estreou no último Festival de Cinema de Sundance e como a maneira de contar as histórias de Giorgio Diritti são é única, não só na Itália, mas no mundo, é um filme que merece ser visto.

http://cinema.excite.it

Rafael Vieira, 18.9.2013