NOVIDADE

PFIZER-BIONTECH: RISCO 94% MENOR DE SEREM HOSPITALIZADAS COM COVID

A revista italiana “Internazionale” faz sempre uma lista simples e interessante de algumas novidades no campo da ciência todas as semana. Quando encontro coisa que nos interessa, trago aqui para você.

As notícias científicas da semana
Claudia Grisanti, jornalista
2 de maio de 2021

  • Um sensor pode prever se um composto químico é alucinógeno e pode ser usado para fins terapêuticos.
  • Burros e cavalos selvagens do Arizona (Estados Unidos) cavam buracos para encontrar água em áreas áridas. O comportamento pode ajudar outros animais e algumas plantas.
  • Rinocerontes de Sumatra quase extintos têm um baixo grau de endogamia, um fator positivo para sua sobrevivência.
  • Algumas esponjas, encontradas nos mares do Ártico, podem se mover no fundo do mar.
  • Na Inglaterra medieval, o câncer afetava entre 9% e 14% da população adulta, uma proporção maior do que as estimativas.
  • O Projeto Genomas de Vertebrados está avançando para a segunda fase, que envolve o sequenciamento de todo o DNA de todas as espécies de vertebrados.
  • Uma vacina, testada com um grupo de 450 crianças, pode ajudar a combater a malária.
  • A substituição da base A por Z no DNA de alguns vírus que infectam bactérias pode conferir uma vantagem evolutiva.
  • Pessoas vacinadas com Pfizer-Biontech e Moderna têm um risco 94% menor de serem hospitalizadas por covid-19.
  • A taxa de derretimento das geleiras aumentou entre 2000 e 2019. A Antártica e a Groenlândia não foram consideradas no estudo.
  • Viver ou trabalhar em uma fábrica de óleo pode aumentar o risco de câncer.
  • Um dia em Vênus dura em média 243 dias terrestres.
  • Texto original:
  • https://www.internazionale.it/scienza/claudia-grisanti/2021/05/02/malaria-pfizer-moderna-venere-notizie-scienza